O poder dos óleos naturais e seus benefícios

Não é novidade para ninguém que os óleos naturais tem um poder incrível em nosso cabelo, concordam? Os óleos naturais são retirados diretamente das plantas e possuem diversos benefícios:



- Promovem o crescimento do fio;
- Fortalecimento do fio;
- Minimização da oleosidade;
- Redução de caspas;
- Agem como aliados no tratamento e controle de problemas como queda capilar.

Os óleos são muito utilizados para fazer umectação capilar, que é o processo onde você irá banhar seu cabelo com os óleos, para que ele possa absorver os benefícios dos óleos naturais. 


Conheça agora quais são as novas tendências e o que cada componente pode fazer pelo seu cabelo:


Coco – Rico em vitamina E, é um dos produtos mais leves e de rápida absorção, ideal para hidratar cabelos oleosos. Além de prolongar o alisamento químico, atua no combate à caspa e à calvície. A substância é incolor, mas não se assuste se ela escurecer depois de algum tempo.

Urucum Rico em betacaroteno, o óleo é extraído do fruto do urucuzeiro, aquele de tom avermelhado típico da Amazônia. É ótimo para quem está com os cabelos fracos, pois provoca uma “reforma estrutural” nos fios. Ele também age como impermeabilizante; por isso, use-o à vontade nos cabelos quando ficar exposta ao sol, seja no mar ou na piscina.

Pracaxi Essa é mais uma matéria-prima vinda da região Norte. As sementes da árvore rendem um hidratante muito eficaz para desembaraçar as madeixas. Se colocado no couro cabeludo, ajuda na renovação celular, recuperando a sua textura. Dica: é comum que o óleo endureça em dias mais frios. Se isso acontecer, mergulhe o frasco fechado em água morna por dois minutinhos.








Camélia – Extraído da árvore que dá uma bela flor, o óleo é muito comum em cosméticos orientais. Dizem que as gueixas usavam o extrato para ficar com aqueles fios escorridos. É indicado para quem tem cabelos muito secos ou couro cabeludo escamado. Se você quer manter a tintura por mais tempo, aproveite, pois ele evita a descoloração.

Buriti Essa palmeira tem uma das maiores concentrações de vitamina A entre os vegetais da natureza. Para o cabelo, o nutriente é fortificante e ajuda no crescimento. Pode ser usado como protetor solar, além de se acreditar que ele é um dos responsáveis por deixar os fios das índias tão lisos. Quando usado no couro cabeludo, estimula a produção de melanina, que é o pigmento responsável pela coloração.

Abacate Indicado para encorpar fios muito finos. Se seu cabelo está seco ou espigado, o óleo da fruta promete repaginá-lo e impedir a saída de água.

Cálamo Excelente modelador, protege os fios contra danos externos, como o calor do secador e da chapinha. É muito aproveitado como componente de escovas progressivas, pois sela os fios e prolonga a durabilidade dos alisamentos.

Macadâmia Além de deliciosas, as castanhas australianas são ricas em ácidos graxos e substâncias antioxidantes. Esse extrato é perfeito para mulheres de cabelos cacheados, pois é disciplinante e dá controle de volume.

Oliva O famoso azeite tornou-se um produto capilar perfeito para quem tem cabelos encaracolados ou crespos. Repleto de vitaminas, ele protege, hidrata e melhora a textura dos fios.

Ojon Proveniente de uma palmeira, o produto é rico em lipídeos parecidos com os existentes nos cabelos, o que faz dele um poderoso regenerador.

Rícino Extraído da mamona, esse óleo é usado para estimular o crescimento de pelos, inclusive de sobrancelhas e cílios. É extremamente oleoso; portanto, evite usá-lo se você tem esse tipo de cabelo.

Vocês costumam usar que tipo de óleo natural? Gostam dos benefícios?

Me encontre:


Esse post foi escrito de acordo com pesquisas, encontre mais sobre óleos vegetais no site: Portal Vital 

You May Also Like

15 comentários